SAC LOJAS: (12) 3925-2628 | SAC E-COMMERCE: (12) 3932-1455

Tipos de Pisada – Guia Completo

O tipo de pisada é pessoal e varia de acordo com a forma natural do pé, joelho, flexibilidade das articulações, ângulo do quadril, equilíbrio muscular entre outras características anatômicas e biomecânicas.

Mas por convenção, existem alguns padrões definidos por especialistas que pode te ajudar a identificar seu tipo de pisada e que vamos te ajudar a seguir.

Que tipos de pisada existem?


Existem três tipos de pisada: Pronada, supinada e neutra. Vale sempre lembrar que cada indivíduo possui sua própria anatomia, e para descobrir com exatidão qual a sua pisada, um especialista deve ser consultado.


Pisada Pronada


É quando ela acontece com o passo começando com o lado esquerdo do calcanhar e termina próxima ao dedão do pé. O pé faz um movimento de rotação maior para dentro logo que o calcanhar entra em contato com o chão. É como se o seu pé tocasse muito menos o chão com o lado de fora do que com o lado interno.
Segundo pesquisas, 50% das pessoas em todo o mundo têm esse tipo de pisada. Neste caso, são indicados tênis com amortecimento e controle de estabilidade.

Pisada Supinada


Essa pisada é, praticamente, o inverso da pisada Pronada, ou seja, seus pés tocam o solo muito mais com a parte de fora do que com a parte de dentro, fazendo um movimento de rotação maior para a área externa, principalmente para os dedos mínimos dos pés.
É, geralmente, realizada por quem tem o chamado pé cavo (que tem curvatura bem acentuada – ao contrário do pé chato) e por muito menos gente (somente 5% da população).
Os melhores tênis para quem tem esse tipo de pisada são os que possuem reforço no amortecimento, além de controle de estabilidade.

Pisada Neutra


Começa com o impulso na parte de trás dos pés, no calcanhar, e termina na parte frontal dos pés. É uma pisada que, como o próprio nome diz, não pende para nenhum dos lados do corpo.
Cerca de 45% das pessoas pisam assim e um tênis com amortecimento leve já é suficiente para a prática de corrida.

Como saber o meu tipo de pisada?


O ideal é que você procure um em fisioterapeuta para realizar um teste de análise de marcha, chamado de baropodometria para conhecer de forma profunda seu tipo de pisada. Caso você sinta dores constantes, formigamento ou note alguma deformidade, o recomendado é um ortopedista especializado em biomecânica ou diretamente em tornozelos e pés.

Se você não puder fazer esses exames no momento e está curioso para saber qual o seu tipo de pisada, você pode realizar um teste prático e rápido que pode ser feito na sua casa:

Teste caseiro para descobrir o tipo de pisada

  • Molhe a sola dos pés
  • Caminhe sobre uma folha de papel ou jornal
  • Marque com uma canetinha ou similar, toda a borda da marca de água que deixou ao pisar
  • Compare com a imagem abaixo e veja qual mais se aproxima da sua pisada

Reconheça sua pisada com esse teste rápido que pode fazer em casa
Fonte: Globo Esporte / Eu Atleta

Se ainda assim você ficar na dúvida e não puder conferir com um especialista, lembre-se que um tênis de pisada neutra não interferem no seu desempenho (para o bem ou para o mal). Então peça ajuda ao nosso vendedor online e foque em um calçado do tipo neutro que seja mais confortável para você.

 

Conhecer o seu tipo de pisada é essencial para escolher o calçado ideal para que você seja capaz de distribuir o impacto nos pontos de apoio e gerando maior conforto, segurança e performance, especialmente durante a prática esportiva. A escolha do tênis errado pode agravar problemas posturais, causar desconforto e até afetar no equilíbrio

Dentre os principais problemas relacionados ao tipo de pisada, estão: calos, bolhas, lesões ósseas, fraturas, deformidades ósseas e tendinites.

Quais são os tipos de pés?


Basicamente existem 3 tipos de pés de acordo com a Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia: Pé normal, pé plano e pé cavo. O formato natural dos pés é o principal fator que influencia no seu tipo de pisada.


Pé normal


O pé normal é um tipo com curvatura média e uma distribuição de impacto equilibrada, com uma leve tendência de girar para dentro durante a pisada.


Pé Plano


Esse é o famoso “pé chato”. Aquele pé reto que toca o chão quase que por completo e possui um giro mais intenso para dentro durante o movimento.


Pé Cavo


O pé cavo tem por característica marcante, a curvatura acentuada, fazendo com que a parte de dentro mal toque o chão e o ponto de impacto sobrecarrega a área externa.

Como os joelhos influenciam na pisada?

O joelho é uma das articulações mais importantes do nosso corpo, podendo possuir um desvio que influencia diretamente no seu tipo de pisada, os tipos mais comuns de joelhos são o valgo e o varo, cada um influenciando de um modo específico na pisada.

Joelho Valgo

O joelho valgo possui uma característica marcante de aproximação dos joelhos e consequentemente o afastamento dos pés, dando uma sensação de “pernas para dentro”.

Joelho Varo

O joelho varo é exatamente ao contrário do anterior, projetando as articulações para fora e os pés para dentro, arqueando um pouco as pernas.

Agora que você já conhece o seu tipo de pisada, veja quais são os Os melhores tênis para academia e caminhada

Tags